Economizar dinheiro é a chave para ser bem-sucedido na vida. Se você gasta além dos limites de sua renda mensal, se compra sem calcular os gastos, não se prepara para o futuro, a tendência é que vá acumular prejuízos catastróficos mais cedo ou mais tarde.

Vamos te ensinar a poupar e aumentar suas chances de ter um futuro financeiro de sucesso. Neste post, daremos 6 boas dicas de como economizar dinheiro!

1. Registre todas as suas despesas

Não basta garantir o ganha pão de todo mês, se você não souber como o dinheiro está sendo gasto. Logo, nada mais justo que registrar suas despesas em categorias. Podem seguir nossa sugestão:

  1. Conta de luz, telefone, água;
  2. Mensalidade da escola, da faculdade, da academia;
  3. Aluguel ou parcelas de financiamento do imóvel;
  4. Transporte;
  5. Supermercado, farmácia, padaria;
  6. Compra de roupas, calçados, eletrodomésticos, móveis;
  7. Assinatura de TV a cabo;
  8. Lazer fora de casa e assim por diante.

2. Crie metas e controle os gastos

A criação de metas pode facilitar o alcance de seus objetivos. Se você se propõe a reduzir seu orçamento de gastos, você garante mais dinheiro disponível para seus sonhos e objetivos.

Alguns exemplos de ações de redução de gastos são: substituição de lâmpadas incandescentes por lâmpadas econômicas; apagar as luzes quando ninguém estiver no cômodo; só acender as luzes a partir de um horário específico e outras medidas.

O ideal é criar metas de gastos e seguir um plano realista para economizar dinheiro. Porque  cada centavo a mais pode gerar uma fortuna lá na frente, o segredo é ter disciplina e foco.

3. Pague suas contas em dia

Essa é uma dica imprescindível para os que desejam organizar a vida financeira e não cair na inadimplência.

Lembra-se daquela vez que pagou suas contas com atraso e tomou aquele susto com o valor das multas e juros? Pois é, quanto mais atrasadas, maiores são os juros. Como economizar se você nunca terá sequer dinheiro suficiente para arcar com as contas atrasadas? Não me mate de vergonha, por favor.

Mesmo se não existirem juros (ou se eles forem muito baixos), o acúmulo de faturas, boletos e carnês torna-se um montante de dívidas considerável, que acaba fugindo ao controle do consumidor. Já está cansado de saber que recorrer ao cheque especial ou cartão de crédito nunca é um bom negócio,  não é  mesmo?

4. Evite compras frequentes no cartão de crédito

Usar o cartão de crédito em excesso pode mais atrapalhar do que ajudar. Fica mais difícil economizar se você faz muitas despesas a prazo, considerando que o cartão substitui o dinheiro apenas temporariamente.

Se você pensar melhor, muitas compras feitas a crédito poderiam ser realizadas à vista, onerando menos seu orçamento.

Quando compramos no cartão, a tendência é avaliarmos somente o valor de cada parcela, esquecendo do valor final do produto, acrescido de juros.

5. Respeite os limites de sua renda

Cuidado com as alavancagens, que são formas de ganhar dinheiro com o dinheiro de outros ou na perspectiva de que vai ganhar dinheiro no futuro. Por causa delas, muitas pessoas despreparadas acabam se endividando e perdendo dinheiro, em vez de economizar.

É a partir de sua renda (seja fixa, seja estimada) que você deverá comprar, poupar, investir, fazer projeções.

como-economizar-dinheiro

6. Aprenda como fazer investimentos economizando dinheiro

Como economizar dinheiro, investindo? Isso é possível? Com cuidado e a devida orientação financeira, é possível, sim.

A finalidade é multiplicar o capital ao longo do tempo. Economizar dinheiro na conta corrente é bem diferente de investir o dinheiro para aumentar a riqueza ao longo do tempo. Uma boa dica é usar os rendimentos obtidos com as aplicações para realizar novos aportes e economizar dinheiro.

Lembre-se que investimentos não são mágicos: você não vai ficar rico do dia para noite. Sempre conte com a ajuda especializada em consultoria financeira, para não ter prejuízos desnecessários.

Mostramos aqui algumas dicas de como economizar dinheiro. Agora está na hora de praticar, por isso seja flexível e use seu bom senso.

Gostou do post? Ajude a gente a divulgá-lo, compartilhando o conteúdo nas suas redes sociais. Até mais!